segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Babosa e o Seu Poder Curativo



Vi essa postagem no Facebook,achei muito legal e coloquei no Blog para fazer parte dos meus arquivos e para compartilhar com os amigos.

Benefícios de saúde de Aloé Vera - por Mike Adams, Natural News.com

Quando digo que o aloé vera é a mais impressionante erva medicinal, inventada por natureza, eu não fazer essa afirmação levemente. De todas as ervas eu nunca estudei - e eu escrevi milhares de artigos sobre nutrição e prevenção de doenças - aloé vera é a erva mais impressionante de todos eles. (Alho seria um próximo segundo lugar.) Não há nada neste planeta que oferece a variedade surpreendente de curas benefícios concedidos pela aloé vera. Em uma única planta, aloé vera oferece medicina potente, natural que:

• Interrompe o crescimento de tumores de câncer.
• Diminui o colesterol alto.
• Reparos "sangue de lama" e inverte "sangue pegajoso".
• Aumenta a oxigenação do seu sangue.
• Alivia a inflamação e alivia dores de artrite.
• Protege o corpo contra estresse oxidativo.
• Previne pedras nos rins e protege o corpo de oxalatos em café e chá.
• Alcaliniza o corpo, ajudando a equilibrar hábitos alimentares excessivamente ácidos.
• Cura úlceras, IBS, doença de Crohn e outros distúrbios digestivos.
• Reduz a alta pressão arterial natural, tratando a causa, não apenas os sintomas.
• Nutre o corpo com minerais, vitaminas, enzimas e glyconutrients.
• Acelera a cicatrização de queimaduras físicas e radiação queimaduras.
• Substitui dezenas de produtos de primeiros socorros, faz curativos e sprays antibacterianos obsoleta.
• Pára de câncer de cólon, cura os intestinos e lubrifica o trato digestivo.
• Extremidades constipação.
• Estabiliza o açúcar no sangue e reduz o triglicérides em diabéticos.
• Previne e trata infecções por cândida.
• Protege os rins da doença.
• Funciona como "bebida esportiva" da própria natureza para o equilíbrio eletrolítico, tornando comuns esportes bebidas obsoleto.
• Aumenta o desempenho cardiovascular e resistência física.
• Recuperação de velocidades de lesão ou esforço físico.
• Hidrata a pele, acelera a reparação da pele.

Verdadeiramente, não há mais nada que compara o potencial medicinal da aloe 

vera. E ainda que a maioria das pessoas só sabem as aplicações tópicas de gel 

de aloe vera. Eles acham que só é bom para queimaduras. Na realidade, a aloe 

vera é útil para uso externo e interno. 


Mais informação
Aloe Vera: Calmante curador da natureza: http://amzn.to/10wO1Mv

Obtenha sua própria planta de Aloe Vera! http://is.gd/lsW6jm

Suco de Aloe Vera (32 oz): http://amzn.to/13WEk8W

Suco de Aloe Vera (1 galão): http://amzn.to/WydrDM





domingo, 20 de janeiro de 2013

Faça você mesmo: receita caseira à base de coco fresco..


Viajando pela Internet e vários sites achei essa receita de máscara cremosa ...achei genial e estou postando para quem segue meu Blog...



Nos dias mais frios, a pele tende a ficar mais seca. Que tal cuidar de sua beleza e evitar o ressecamento e peles desvitalizadas com uma receita caseira para hidratação?

Confira a dica da cosmetóloga e esteticista do Spa da Pele, Lucienne Souza, e faça você mesmo uma máscara revitalizante para pele do rosto, pescoço e colo. Coco fresco é a base da receita, confira!

Anote os ingredientes:
4 colheres de Coco fresco
1 colher (de chá) de óleo de amêndoas
1 colher (de chá) de mel

Modo de preparo
Retire a polpa do coco fresco e bata no liquidificador até formar uma pasta bem macia.
Passo 2: Amêndoas e mel

Adicione na sequência o óleo de amêndoas e o mel. Bata novamente até formar uma pasta bem fininha.
Importante: Use a máscara logo após seu preparo! Não conserve.
Aplique a mistura sobre a pele do rosto, pescoço e colo e deixe por mais ou menos 15 a 20 minutos.
Depois, retire com água morna. “O resultado aparece na hora, uma pele mais lisa e macia”, garante a especialista.

Pele macia e revitalizada

“Além do coco ser uma fruta rica em ácidos graxos, que ajudam a manter a pele macia, ao adicionar o óleo de amêndoas e o mel, resulta na suavidade perfeita para uma boa hidratação. E o óleo de amêndoa é antioxidante devido a presença de Vitamina E”, explica a cosmetóloga e esteticista do Spa da Pele, Lucienne Souza.
Amendoim pode substituir o coco

A mesma máscara pode ser preparada com amendoim, que também é rico em ácidos graxos. O modo de preparo com o amendoim é o mesmo. “Garante à pele maciez e ameniza aquele aspecto indesejável de pele desidratada”, garante a cosmetóloga e esteticista do Spa da Pele, Lucienne Souza.

Texto por
Karina Costa
Veja mais-
http://estilo.br.msn.com/tempodemulher/beleza-e-saude/story.aspx?cp-documentid=252532455


sábado, 19 de janeiro de 2013

Derrame(AVC) - Novo Sintoma : a Língua (é bom saber)






Disse um neurologista que se levarem uma vítima de derrame dentro das primeiras três horas, ele pode reverter os efeitos do derrame -totalmente. Ele disse que o segredo é reconhecer o derrame, diagnosticá-lo e receber o tratamento médico correspondente, dentro das três horas seguintes, o que é difícil.

 RECONHECENDO UM DERRAME
 Muitas vezes, os sintomas de um derrame são difíceis de identificar. Infelizmente, nossa falta de atenção,torna-se desastrosa. A vítima do derrame pode sofrer severa consequência cerebral quando as pessoas que o presenciaram falham em reconhecer os sintomas de um derrame.

 Agora, os médicos dizem que uma testemunha qualquer pode reconhecer um derrame fazendo à vítima estas três simples preguntas:

 S* (Smile) Peça-lhe que SORRIA. T* (Talk) Peça-lhe que FALE ou APENAS DIGA UMA FRASE SIMPLES. (com coerência) (ex : Hoje o dia está ensolarado)

R* (Rise your arms) Peça-lhe que levante AMBOS OS BRAÇOS.

 Se ele ou ela têm algum problema em realizar QUALQUER destas tarefas, chame a emergência imediatamente e descreva-lhe os sintomas,ou vão rápido à clínica ou hospital.

Novo Sinal de derrame - Ponha a língua fora.

 NOTA: Outro sinal de derrame é este: Peça à pessoa que ponha a língua para fora.. Se a língua estiver torcida e sair por um lado ou por outro, é também sinal de derrame


AVC
Por Dr. Draúzio Varela

O acidente vascular cerebral (AVC), conhecido popularmente como derrame cerebral, pode ser de dois tipos:
a) Acidente Vascular Isquêmico – falta de circulação numa área do cérebro provocada por obstrução de uma ou mais artérias por ateromas, trombose ou embolia. Ocorre, em geral, em pessoas mais velhas, com diabetes, colesterol elevado, hipertensão arterial, problemas vasculares e fumantes.
b) Acidente Vascular Hemorrágico – sangramento cerebral provocado pelo rompimento de uma artéria ou vaso sanguíneo, em virtude de hipertensão arterial, problemas na coagulação do sangue, traumatismos. Pode ocorrer em pessoas mais jovens e a evolução é mais grave.
Sintomas do AVC
a) Acidente Vascular Isquêmico
* Perda repentina da força muscular e/ou da visão;
* Dificuldade de comunicação oral;
* Tonturas;
* Formigamento num dos lados do corpo;
* Alterações da memória.
Algumas vezes, esses sintomas podem ser transitórios – ataque isquêmico transitório (AIT). Nem por isso deixam de exigir cuidados médicos imediatos.
b) Acidente Vascular Hemorrágico
* Dor de cabeça;
* Edema cerebral;
* Aumento da pressão intracraniana;
* Náuseas e vômitos;
* Déficits neurológicos semelhantes aos provocados pelo acidente vascular isquêmico.
Recomendações
* Controle a pressão arterial e o nível de açúcar no sangue. Hipertensos e diabéticos exigem tratamento e precisam de acompanhamento médico permanente. Pessoas com pressão e glicemia normais raramente têm derrames;
* Procure manter abaixo de 200 o índice do colesterol total. Às vezes, só se consegue esse equilíbrio com medicamentos. Não os tome nem deixe de tomá-los por conta própria. Ouça sempre a orientação de um médico;
* Adote uma dieta equilibrada, reduzindo a quantidade de açúcar, gordura, sal e bebidas alcoólicas;
* Não fume. Está provado que o cigarro é um fator de alto risco para acidentes vasculares;
* Estabeleça um programa regular de exercícios físicos. Faça caminhadas de 30 minutos diariamente;
* Informe seu médico se em sua família houver casos doenças cardíacas e neurológicas como o AVC;
* Procure distrair-se para reduzir o nível de estresse. Encontre os amigos, participe de atividades culturais, comunitárias, etc.
Fatores de risco
Os fatores de risco para AVC são os mesmos que provocam ataques cardíacos:
* Hipertensão arterial;
* Colesterol elevado;
* Fumo;
* Diabetes;
* Histórico familiar;
* Ingestão de álcool;
* Vida sedentária;
* Excesso de peso;
* Estresse.
Tratamento
Acidente vascular cerebral é uma emergência médica. O paciente deve ser encaminhado imediatamente para atendimento hospitalar. Trombolíticos e anticoagulantes podem diminuir a extensão dos danos. A cirurgia pode ser indicada para retirar o coágulo ou êmbolo (endarterectomia), aliviar a pressão cerebral ou revascularizar veias ou artérias comprometidas.
Infelizmente, células cerebrais não se regeneram nem há tratamento que possa recuperá-las. No entanto, existem recursos terapêuticos capazes de ajudar a restaurar funções, movimentos e fala e, quanto antes começarem a ser aplicados, melhores serão os resultados.